Fadiga no trabalho: sintomas e prevenção

Existem muitas definições sobre a fadiga no trabalho e dificilmente encontraremos qual é a definição mais correta. O que pode-se afirmar é que ela está presente no dia a dia de muitos profissionais, interferindo na rotina do trabalho e no desempenho, não se dando conta da situação.

Fadiga no trabalho e suas consequências

Os sintomas são dos mais diversos, percebe-se que algo não está normal quando a pessoa já não executa suas atividades com o mesmo entusiasmo e dedicação ou ainda quando o psicofisiológico começa a ficar sobrecarregado.

A fadiga no trabalho pode se apresentar de duas maneiras: crônica ou aguda. A fadiga aguda se manifesta devido a falta de sono ou esforço físico ou mental, a solução para acabar com a fadiga aguda é fazer repouso e dormir bem.

fadiga no trabalho

No caso da fadiga crônica a situação pode ficar um pouco pior, a pessoa não consegue eliminar a fadiga apenas com repouso e sim com a ajuda médica. Alguns fatores contribuem para o aparecimento da fadiga, entre eles estão:

  • Escalas de trabalho;
  • Iluminação inadequada;
  • Esgotamento físico e mental;
  • Estresse no trabalho;
  • Ambiente com exposição a ruídos intensos;
  • Local de trabalho com elevadas ou baixas temperaturas;
  • Noites mal dormidas, etc.

Quais os sintomas comuns?

Os sintomas quando a fadiga no trabalho começa a se manifestar:

  • Falta de sono;
  • Dores de cabeça;
  • Dores abdominais;
  • Falta de apetite;
  • Desânimo;
  • Sensação de cansaço contínua, etc.

Quais as consequências para as empresas?

Quando os trabalhadores começam a dar indícios de fadiga, a empresa poderá afetada da seguinte maneira:

  • O rendimento começa a cair;
  • Acidentes de trabalho poderão ser frequentes;
  • Faltas excessivas ao trabalho, etc.

Como prevenir?

A prevenção ainda é a melhor maneira contra as situações de fadiga evitando futuras situações que possam prejudicar tanto o trabalhador quanto as empresas.

Rever as condições de trabalho, ter flexibilidade de horário durante a jornada, valorizar a área de saúde e segurança do trabalho, oferecer ou buscar ajuda médica assim que a fadiga for identificada ou percebida.

fadiga no trabalho

A força de trabalho precisa ser organizada e eficaz, proporcionado um ambiente agradável satisfatório para se trabalhar, isso não depende apenas da vontade da empresa, mas sim dos trabalhadores que estão diretamente ligados as funções diárias.

A saúde deve estar sempre em primeiro lugar, antecipar-se quanto aos diagnósticos e levar uma vida mais saudável são um dos requisitos para se viver bem e tranquilo.

Fonte: http://blog.safemed.pt/fadiga-no-trabalho-fatores-e-consequencias/

Posts Relacionados

Compartilhe :facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *